Buscar
  • Instituto Proctogastro

Saiba como reconhecer a apendicite

A apendicite nada mais é do que a inflamação do apêndice, um pequeno órgão, ligado ao intestino grosso. Quando uma dor forte no abdômen surge do nada, como podemos reconhecer rapidamente se os sintomas são de apendicite?

Na maioria dos casos, o problema ocorre por obstrução da luz dessa pequena saliência do ceco pela retenção de materiais diversos com restos fecais. A dor da apendicite ocorre do lado direito na parte baixa do abdômen. Fique atento, pois é necessário atendimento médico com urgência.


Os exames clínico e físico são os mais importantes para o diagnóstico. O profissional avalia o estado geral da pessoa, tipo de dor, se tem febre, diarreia. O exame físico (a palpação) indica as chances de apendicite. Se quando aperta a região dói, e quando solta dói mais ainda, as chances são bem grandes. Outros exames que ajudam são os de imagem, como ultrassom e tomografia.

Como os sintomas das anexites (inflamação das tubas uterinas, útero e ovários) também provocam dor do lado direito do abdômen, é preciso estabelecer o diagnóstico diferencial. O ultrassom e a tomografia auxiliam bastante nessa distinção.

Estabelecer o diagnóstico de apendicite nem sempre é fácil. Por isso, havendo suspeita da infecção, o paciente deve ser encaminhado para cirurgia o mais depressa possível para evitar complicações graves, como a peritonite, que é a inflamação da mucosa que reveste toda a cavidade abdominal.

Quando ir ao médico?

Deve-se procurar um médico rapidamente se surgirem sintomas da apendicite, especialmente se após algumas horas também surgirem:

  • Aumento da dor abdominal;

  • Febre acima de 38ºC;

  • Calafrios e tremores;

  • Vômitos;

  • Dificuldades para evacuar ou liberar gases.

A apendicite pode acontecer em qualquer idade, mas é mais comum no adulto jovem e nos homens. Aqui no Instituto Proctogastro, possuímos uma equipe multidisciplinar que poderá atender os pacientes que se enquadrem nesses casos, a partir dos 12 anos de idade. Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com a nossa equipe!



#institutoproctogastro#drrodrigobruno#coloproctologista#cirurgiaogeral#dii#doençasinflamatoriasintestinais#saudeintestinal

0 visualização0 comentário