DSC_0076_edited.jpg

Hemorróidas

Logo site.png

O que é a hemorróida?

Hemorróidas são veias do reto inchadas, e podem provocar coceiras e dor. Algumas vezes podem também provocar sangramentos durante a evacuação. Em alguns casos, é possível ver ou sentir as hemorroidas ao redor da parte externa do reto. Em outros casos não é possível vê-las porque elas estão escondidas na parte interna do reto.

É preciso consultar o médico ou enfermeira?

É preciso consultar o médico ou enfermeira quando existe sangramento ou quando as fezes estão pretas como piche. O sangramento pode ter outras causas, por isso a consulta é importante. Quando o paciente tem hemorroidas, o médico ou enfermeira pode sugerir tratamentos. Mas existem algumas medidas que o paciente mesmo pode fazer antes.

O que pode ser feito para prevenir o aparecimento de mais hemorróidas?

A coisa mais importante que se pode fazer é evitar o intestino preso. Deve-se evacuar pelo menos algumas vezes por dia. Durante a evacuação não se deve fazer muito esforço. Além disso, as fezes não devem ter consistência muito sólida. O intestino preso aliado a fezes de consistência dura pode piorar as hemorróidas. Listamos abaixo algumas medidas que podem ser tomadas para evitar o intestino preso e as fezes de consistência dura:

  • Comer bastante fruta e vegetais. Eles são ricos em fibra, que ajuda na evacuação.

  • Ingerir fibra em forma de pó, bolacha ou pílula. Deve-se ingerir de 20 a 35 gramas de fibra por dia.

  • Utilizar os medicamentos chamados emolientes fecais, como o docusato de sódio (exemplo de nome comercial: Colace®, Dulcolax®) ou laxantes que aumentam o volume das fezes.
     

Entre estes laxantes estão a semente de psílio (exemplo de nome comercial: Metamucil®, Konsyl®), a metilcelulose (nome comercial: Citrucel®), o policarbofil cálcico (exemplo de nome comercial: FiberCon®), e a dextrina de trigo (nome comercial: Benefiber®).
 

Estes medicamentos aumentam a frequência da evacuação. Eles são seguros e podem evitar problemas mais tarde.

O que pode ser feito para reduzir os sintomas?

Algumas pessoas se sentem melhores mergulhando as nádegas em uma bacia com cerca de 5 cm de água morna. Este procedimento pode ser feito por 10 a 15 minutos de 2 a 3 vezes por dia. Não utilize sabão, banho de espuma ou qualquer outro produto na água. Existem também medicamentos que podem ser obtidos sem receita médica. São normalmente cremes ou pomadas que podem ser aplicadas no ânus para aliviar a dor, a coceira, ou o inchaço.

Alguns medicamentos para hemorroidas vêem em cápsulas (chamadas de supositórios) para introdução no reto. Outros vêem em forma de pomada em um frasco com um bico para aplicação no interior do reto. Não há problemas em experimentar estes medicamentos. Mas não utilize medicamentos que contenham hidrocortisona (um esteroide) por mais de uma semana sem aprovação do médico ou enfermeira.

O que fazer se estas medidas não funcionarem?

Se os sintomas persistirem mesmo após a realização das medidas descritas acima, pode ser necessário recorrer a tratamentos para destruir ou remover as hemorroidas. Um tratamento popular é o chamado “ligadura elástica”. Neste tratamento o médico aplica pequenos elásticos ao redor das hemorroidas. Alguns dias depois as hemorroidas secam e caem. O médico pode também utilizar laser, calor, ou produtos químicos para destruir as hemorroidas. Caso nenhuma destas opções funcione, sempre é possível recorrer à cirurgia para remover as hemorroidas.